Compartilhe!
leite derivados

11 Motivos para Não beber Leite

por

leite derivados

Por Tati K. Fischer*

Não só os intolerantes e alérgicos têm motivos para ficar longe do leite de vaca. Todas as pessoas deveriam tomar cuidado com o consumo excessivo de lácteos devido a inúmeros fatores que a mídia e os grandes produtores de laticínios não divulgam, porém muitos estudos e pesquisas importantes mostram que:

1) Nenhum outro animal na terra bebe leite após o desmame, muito menos de outra espécie;

2) O consumo de leite nos primeiros anos de vida aumenta as chances de desenvolvimento de Diabetes do tipo 1;

3) Laticínios aumentam muito a liberação de insulina (hormônio que leva glicose pra dentro da célula) pelo pâncreas, o que pode causar resistência à insulina, que pode levar à diabetes, hipertensão, obesidade abdominal, síndrome do ovário policístico, câncer de mama, acne, entre outros problemas;

4) Estudos associam o consumo de leite com o surgimento de câncer de ovários, testículos e próstata, Doença de Parkinson e Doença das Artérias Coronárias;

5) O consumo de leite piora os sintomas da Artrite Reumatóide;

6) Existe uma correlação muito forte entre o consumo de leite e a prevalência de Esclerose Múltipla;

7) Ao contrário do senso comum, o consumo de leite, ao invés de prevenir, pode ocasionar a osteoporose, pois pode levar à deficiência de magnésio, além de acidificar o sangue, fazendo com que o corpo retire cálcio do osso, aumentando a perda;

8) O leite neutraliza o meio ácido intestinal, necessário para a absorção de vitaminas e minerais, além de favorecer a fermentação de microrganismos patogênicos;

9) O consumo de laticínios leva a um aumento de substâncias inflamatórias e de pequenas calcificações;

10) O leite é um alimento congestionante e leva ao aumento da produção de muco no organismo;

11) As vacas leiteiras são mantidas constantemente grávidas, por isso o leite tem quantidades muito grandes de estrógeno e progesterona, podendo levar, por exemplo, à puberdade precoce.

 

Levando em consideração todos estes fatos, podemos concluir que o leite não deveria fazer parte de uma alimentação saudável. Além disso, devemos lembrar que, ao consumirmos laticínios, estaremos colaborando com as indústrias nos maus tratos aos animais.

Leia mais artigos interessantes clicando abaixo:

 

*A autora é colaboradora do blog, nutricionista, Pós-graduanda em
Nutrição Clínica Funcional, sócia-diretora da Clínica de Nutrição NutriCare,
localizada em Jaraguá do Sul – SC – Telefone: (47) 3055-0969

 

————————————————————————————————————————————————–

Todas as informações aqui citadas foram baseadas em artigos científicos, tendo como base de referência as fontes abaixo.
Bibliografia:
BASTOS, P. Potenciais efeitos adversos do consume de leite e derivados. Revista Nutrição Saúde & Performance, Ed. 37, 2008.
FHILIPPS, A. F. Studies regarding intestinal absorption and action of insulin-like growth factors in the newborn. Milk, hormones & human health In: Harvard Conference, Oct. 2006.
HOLT, S. H. A.; MILLER, J. C. B.; PETOCZ, P. An insulin index of foods: the insulin demand generated by 1000-kj portions of common foods. American Journal of Clinical Nutrition, v. 66, 1997.
SATO, A.; DAVAASAMBUU, G. Health effects of cow Milk. Milk, hormones & human health In: Harvard Conference, Oct. 2006.

29 respostas para "11 Motivos para Não beber Leite"
  1. iMAGINA OS REMEDIOS QUE DAO AS VACAS, E ENCHE O BICHO DE HORMONIOS E TANTA PORCARIA E INJEÇAO, QUEM BEBE ESSE LEITE E O SER HUMANO COMO SEMPRE,…ESSA BOMBA BIOLOGICA,… POR ISSO O SER HUMANO TEM TANTA DOENÇA…

  2. Sobre a maioria dos itens, não posso opinar pois nao sou profissional em biomedicina, mas não entendi porque o leite acidifica o sangue se ele é uma base, ou seja, o oposto do acido. Existe um item que confirma isso, quando diz que o leite anula a acidez intestinal, justamente por ser uma base.
    Também queria entender como o calcio do leite não absorvido pelo organismo se meu proprio dentista ja me falou que tenho dentes fortes por sempre ter consumido leite toda a minha vida.
    A propósito somos os unicos animais que bebem leite após o desmame pois somos os únicos que sabemos ordenhar vacas :D Os seres humanos ja fazem coisas bem mais bizarras do que beber leite, como mascar chiclete e fumar cigarro. Beber leite é a menor das coisas estranhas

    • o leite em si nao e propriamente basico. tem um pH 6.5. Como qualquer alimento, aumenta o pH do estomago. Considerando que o pH do estomago e cerca de um, ate agua reduz a acidez.
      O leite torna o sangue acido devido a proteina que contem. Tal como qualquer outro alimento que contenha proteina (nao. nao e so a proteina do leite ou proteina animal)
      basicamente uma alimentacao variada e a solucao para a saude.
      contudo se cortar no leite, nao tem mal. Beber demais e que nao convem

  3. No meu caso fui alertado a não ingerir laticínios não por algum nutricionista terreno, mas por uma equipe médica espiritual, de médicos ( espíritos ) espanhóis, que me sugeriram evitar o leite vaca porque poderia sofrer com problemas urinários sérios e de próstata! Acho que os médicos do espaço não costumam falar bobagens! E aqui em Goiás temos muitos Centros de Cura Espiritual muito bons e sérios! Acho que esta informação nunca havia sido veiculada antes ! E depois que parei de consumir laticínios minha saúde melhorou muito mesmo ! Como se diz: ” Leite de Vaca é bom para bezerro ” ! Abc e tudo de bom ! Prof. Fernando Lo Iacono

  4. Olá…fala-se mto sobre as quantidades de Cálcio nos alimentos (vegetais principalmente), entretanto o mais importante é a biodisponibilidade desse nutriente. De acordo com artigos que li, nenhum cálcio é mais biodisponível do que o do leite.

    • Realmente o cálcio do leite é bastante biodisponível, mas o problema não é a absorção pelo organismo, mas o aproveitamento deste cálcio no seu corpo. Como já respondi para Thanara, o leite de vaca produz uma alta carga renal ácida, gerando um estado de acidose metabólica e aumentando a excreção renal de cálcio.

  5. Pessoal, só para acrescentar uma informação interessante sobre leite e cálcio. Tem um estudo que mostra que demonstra que não há relação entre consumo de leite e osteoporose. Em países com alto consumo de leite a incidência de osteoporose é quase a mesma de países com baixo consumo. Infelizmente não me lembro onde achei esse estudo mas se procurar no google vai encontrar outras referências. Deixo também um artigo muito interessante: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-42302010000200025&script=sci_arttext

  6. Ótimo post. O leite ainda é uma questão dividida entre os especialistas, contudo, mesmo quem o defenda, sabe que é um alimento que pode ser tranquilamente substituido por outros, garantindo os mesmos benefícios.

    Eu trabalho com nutrição e sei que alguns dos motivos apresentados aqui são apenas estudos, sem comprovação concreta, contudo, eu concordo que é interessante frear o consumo de alimentos que não temos certeza dos seus efeitos.

    Acabo de fazer um post sobre o Cálcio. Na segunda parte, irei falar especificamente sobre o leite. Link para o post:

    Um abraço!

    • @Bruno Lopes da Silva, me desculpe, mas não sei o que você considera algo com comprovação concreta. Acho que artigos publicados no American Journal of Clinical Nutrition e estudos apresentados na Conferência de Harvard, por exemplo, são de grande valia científica.

  7. Desde que descobri a intolerância à caseina há quase 2 anos e excluí o leite e todos os seus derivados da minha alimentação, nunca mais tive crise de asma!!! As crises de rinite diminuiram significativamente (não totalmente, pois sou alérgica a algumas coisas mais difícieis de se controlar, como poeira, ácaros.) e meu intestino passou a funcionar perfeitamente. Já fiz um teste, seguindo orientação da minha nutricionista, e incrível como os sintomas voltaram, constatando o estrago que o leite faz!!

    • @Thaís Banho, realmente, tb fiz um teste, mas em relação à enxaqueca. E dá diferença né? Obrigada pela sua participação, seja sempre bem-vinda!!! Um grande abraço e bom fim de semana ;)

  8. Tati,

    sou nutricionista e vejo que muitas nutricionista com formação em alimentos funcionais não são adeptas ao consumo de leite. Até ai tudo bem, mas fico pensando, como conseguem consumir a quantidade de cálcio diário necessário sem consumo de suplemento? Gostaria de uma explicação, pois o que vi na faculdade e em muitos artigos científicos e que só conseguimos alcançar a quantidade de cálcio com leite e derivados.

    • @Thanara, Entendo sua dúvida, pois realmente o que aprendemos na faculdade é que o leite é praticamente a única fonte de cálcio da alimentação.

      Na verdade o leite é muito rico em cálcio sim, porém não podemos deixar de lado todos os fatores que citei acima. O leite de vaca produz uma alta carga renal ácida, gerando um estado de acidose metabólica e aumentando a excreção renal de cálcio. Portanto não conseguimos aproveitar tão bem o cálcio consumido através do leite. Por outro lado o cálcio obtido por meio dos vegetais verde-escuros, repolho, sementes (gergelim, linhaça, abóbora, etc), sardinha e tofú, por exemplo, é muito melhor aproveitado pelo nosso organismo, inclusive prevenindo a osteoporose, pois não geram carga ácida e, diferentemente do leite, são ricos em magnésio, outro nutriente muito importante para a saúde óssea.

  9. Um motivo pra tomar leite: é gostoso!
    Débora, foi mal a palhaçada, rs, nem gosto de leite puro.
    Não sou especialista no assunto, mas existem bons argumentos para o consumo de leite também.
    O consumo de vários produtos podem levar a vários problemas de saúde…
    Ó o drama, nega!
    (não me odeie por esse comentário não, pufavô!…)
    B-jão!

    • @Clara Miranda, hahahaahaha eu achei é engraçado isso sim!! :D Na verdade é um assunto muito controverso… aliás, é demais!

      Então menina, já li muito sobre de onde obter cálcio, inclusive os vegetais verdes-escuros são excelentes fontes. E tem estudos também que falam que o excesso de vitamina D (ou cálcio, ñ sei) até atrapalham… mas vou deixar essa parte pra nutri responder… hehehehe

      Bom, eu senti na pele que o leite faz mal pra mim, então sempre que possível eu deixo ele de fora da minha cozinha!!

      Bjão querida!!! Comente sempre!

    • A questão antiética do consumo de leite foi simplesmente desconsiderada em sua pseudo-piada. E considerando, claro, que estamos falando de leite orgânico, sem tudo aquilo que a indústria do leite acrescenta: conservantes, amônia, sequestrantes e tudo o mais. Conforme já mostraram diversas pesquisas, no leite costuma sempre haver partes de pus e sangue da vaca, que doa leite compulsoriamente por horas, dias, a vida inteira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *