Compartilhe!

Sensibilidade ao Glúten na ausência de Doença Celíaca

por

Sensibilidade ao Glúten na ausência de Doença Celíaca

Por Imran Aziz, Marios Hadjivassiliou, David S Sanders*

Pacientes que apresentam sintomas relacionados ao glúten na ausência de marcadores da doença são um dilema diagnóstico para gastrenterologistas, clínicos gerais e nutricionistas.

A Doença Celíaca (DC) é um distúrbio inflamatório crônico do intestino delgado que afeta 1% da população. A condição pode ser definida como um estado de resposta imunológica intensificada ao glúten ingerido (de trigo, cevada e centeio) em indivíduos geneticamente suscetíveis. O pilar do tratamento da doença celíaca é a adesão vitalícia a uma rigorosa dieta livre de glúten, que leva a melhorias no desfecho clínico, no bem-estar psicológico e na qualidade de vida para a maioria dos pacientes.

No entanto, o número de pacientes que consome uma dieta livre de glúten parece, em grande parte, fora de proporção em relação ao número projetado de pacientes com doença celíaca. Esse agora é um “grande negócio”, e a Reuters projeta um aumento nos lucros do mercado de alimentos livres de glúten nos Estados Unidos de US$1,68 bilhão até 2015. Paralelamente, um crescente problema encontrado na prática clínica é o diagnóstico e o manejo de pacientes que reclamam de sintomas relacionados ao glúten na ausência de marcadores diagnósticos de doença celíaca, como sorologia celíaca negativa e biópsias duodenais normais. Esses pacientes representam um dilema diagnóstico para gastrenterologistas, clínicos gerais e nutricionistas e, no passado, foram descritos como pertencentes a uma “terra de ninguém” devido à incerteza do diagnóstico.

SINTOMAS RELACIONADOS AO GLÚTEN EM PACIENTES SEM DOENÇA CELÍACA

Existem dados observacionais de pacientes que relatam sintomas relacionados ao glúten, mas sem evidências de DC. Apesar disso, esses indivíduos beneficiaram-se sintomaticamente de uma dieta livre de glúten. Historicamente, também tem sido observado que parece haver um aumento na prevalência de anticorpos antigliadina naqueles que reclamam de sintomas relacionados ao glúten e em pacientes com síndrome do intestino irritável em comparação a controles saudáveis, apesar da exclusão de doença celíaca através de biópsias duodenais normais e testes negativos para anticorpos antiendomísio e antitransglutaminase tecidual.

Um grande estudo demonstrou recentemente a existência de sensibilidade ao trigo em pacientes sem DC. As evidências, portanto, sugerem que, mesmo na ausência da DC, produtos à base de glúten podem induzir sintomas abdominais que se apresentam como Síndrome do Intestino Irritável (SII).

O reconhecimento de que as reações ao glúten não se limitam à doença celíaca levou ao desenvolvimento de um documento de consenso em 2012 entre um grupo de 15 especialistas internacionais. Sugeriu-se uma nova nomenclatura e classificação, com três condições induzidas pelo glúten – Doença Celíaca (definição no início do texto), Alergia ao Trigo e Sensibilidade ao Glúten Não Celíaca:

Alergia ao Trigo: é definida como uma reação imunológica adversa às proteínas do trigo mediada por IgE – pode apresentar-se com sintomas respiratórios (“asma do padeiro” ou rinite, mais comum em adultos), alergia alimentar (sintomas gastrintestinais, urticária, angioedema ou dermatite atópica; principalmente em crianças) e urticária de contato. Os testes para alergia ao trigo incluem dosagem sérica de IgE ou testes cutâneos para o trigo.

Senbilidade ao Glúten Não Celíaca: é uma forma de intolerância ao glúten quando a doença celíaca e a alergia ao trigo foram excluídas. É uma expressão genérica e pode incorporar uma grande variedade de possíveis aspectos clínicos.

A verdadeira prevalência de sensibilidade ao glúten não celíaca na população geral é desconhecida. Além disso, não existem biomarcadores específicos para identificar a sensibilidade ao glúten não celíaca e o desfecho a longo prazo para esses pacientes não é conhecido.

Dados da clínica Maryland e uma avaliação de 78 pacientes italianos com sensibilidade ao glúten não celíaca mostram que os indivíduos podem associar a ingestão de glúten a sintomas intestinais como: desconforto abdominal, distensão abdominal, dor e diarreia (também consistentes com a síndrome do intestino irritável) ou a uma variedade de sintomas extraintestinais, como dores de cabeça, “mente nebulosa”, depressão, fadiga, dores musculoesqueléticas e erupções cutâneas.

Algumas investigações têm sugerido que, embora os pacientes com doença celíaca demonstrem uma resposta imune inata (inespecífica) e outra adaptativa (específica, mediada por células T e anticorpos) à exposição ao glúten, aqueles com sensibilidade ao glúten não celíaca parecem demonstrar apenas uma resposta inata. A tabela resume o espectro de distúrbios relacionados ao glúten.

Glúten X Outros componentes do trigo

Também há incerteza sobre se é a retirada do glúten especificamente que beneficia os pacientes, ou se outro componente do trigo é o culpado. A opinião de especialistas e um ensaio clínico sugerem que os frutanos fermentáveis (carboidratos presentes no trigo) podem provocar sintomas gastrintestinais em pacientes com síndrome do intestino irritável. Assim, a retirada do glúten pode, inadvertidamente, estar reduzindo a ingestão de frutanos, que interagem com a microbiota intestinal, havendo produção de gases e fermentação. As evidências atuais que indicam a retirada de oligossacarídeos, dissacarídeos, monossacarídeos e polióis (FODMAPs) fermentáveis para síndrome do intestino irritável podem sobrepor-se a uma dieta livre de glúten.

Recentemente, uma pesquisa avaliou 34 pacientes com Síndrome do Intestino Irritável nos quais a doença celíaca foi excluída e que haviam tido seus sintomas controlados com uma dieta livre de glúten. Em um período de seis semanas, um número significativamente maior do grupo exposto a produtos contendo glúten, mas especificamente preparados livres de FODMAPs (e, portanto, de frutanos) relatou uma diminuição clinicamente significativa dos sintomas, incluindo dor abdominal, distensão abdominal, satisfação com a consistência das fezes e cansaço. Os indivíduos não apresentaram evidências de inflamação ou danos intestinais ao serem desafiados com glúten e, assim, nenhuma pista sobre o mecanismo fisiopatológico envolvido foi obtida. Embora o número de participantes nesse estudo fosse pequeno, os resultados sugerem que o glúten propriamente pode induzir sintomas gastrintestinais em indivíduos com sensibilidade ao glúten não celíaca. Estudos multicêntricos maiores ajudariam a substanciar esses achados e talvez delinear melhor a sensibilidade dos pacientes ao glúten e aos frutanos.

O que devemos fazer à luz da incerteza?

Com o aumento do consumo mundial da “dieta mediterrânea” os médicos estão cada vez mais expostos a pacientes com distúrbios relacionados ao glúten. Para pacientes que relatam intolerância ao trigo ou sensibilidade ao glúten, exclua doença celíaca e alergia ao trigo. Os pacientes com resultados negativos devem ser diagnosticados com sensibilidade ao glúten não celíaca. Eles se beneficiam sintomaticamente com uma dieta livre de glúten, mas devem ser informados de que a sensibilidade ao glúten não celíaca é uma entidade clínica reconhecida há pouco tempo, cujo curso natural e cuja fisiopatologia ainda não são totalmente compreendidos.

*Imran Aziz e David S Sanders são do Departamento de Gastrenterologia, Royal Hallamshire Hospital, Sheffield S10 2JF, Reino Unido e Marios Hadjivassiliou é do Departamento de Neurologia, Royal Hallamshire Hospital, Sheffield.

Texto completo, referências bibliográficas e científicas: Grupoa.com.br
Foto: Dailymail

144 respostas para "Sensibilidade ao Glúten na ausência de Doença Celíaca"
  1. Tenho sofrido a um ano mais ou menos fortes dores abdominais, nenhum medico acha o que tenho. Ja fiz endoscopia, biopsia e nada. Desconfiei do gluten, eliminei da dieta e me senti melhor. Fui por conta propria e fiz o exame que apresentou resultado negativo. E agora? Mesmo assim continuo sem ingerir gluten e quando por falta de atencao acabo ingerindo(no caso um pedacinho de chocolate) os sintomas voltam. Alguem com a mesma experiencia??.?

  2. fiz exame recentemente e constou que tenho sensibilidade moderada ao trigo. Um médico mandou cortar pelo menos pães, bolacha e macarrão, outro ja disse que não preciso cortar nada., os dois médicos são especialistas. o que deve fazer? hehe

  3. Existe – plenamente- a possibilidade de um efeito retardado, todavia a corrente sanguínea recebe alguma contribuição do elemento causador via absorção. Assim sendo, há muita possibilidade de ser o trigo o causador, desde que foi consumido.
    Espero trazer alguma contribuição para desfazer essa incerteza.

  4. Então, tenho intolerância a lactose procuro usar produtos sem lactose mas quando necessário tomo o comprimido lactase. De alguns meses para cá tenho me sentindo muito cansada, muitas dores de cabeça, estufada e sempre com sensação de precisar correr para o banheiro e uma dor/desconforto no abdômen no lado esquerdo logo abaixo das costelas até próximo a virilha. Após ler e conversar sobre esse mal estar parei de consumir, trigo, cerveja, aveia por 30 dias aproximadamente. Neste final de semana comi pizza na sexta e sopa de capelete no sábado me senti um pouco estufada, passei bem o domingo mas na segunda a a noite comecei a ter diarreia e fortes dores abdominais . Minha dúvida é se comi pizza /capelete sexta e sábado e me senti mal somente na segunda a noite pode ser do Gluten?

  5. A digestão começa pela boca, portanto não temos como desmembrar o estômago do intestino, quanto aos males do glutem, assim sendo, essa substância maligna, prejudica o todo sistema digestivo, já que ele age no trânsito do intestino, retarda todo processo digestivo num todo, por conseqüência. Quanto à cura dos problemas causados pelo glutem, depende muito do tempo que a pessoa esteja usando-o e sofrendo por causa dele. Quando maior a face, maior o dorso. Infelizmente tudo na vida é assim. Requer muita paciência, mas pode ficar tranqüilo que nada é eterno, há não ser as palavras do Criador do universo. Um dia acordará sem tais efeitos terríveis dessa praga, digo horrível, por que passo por eles e espero, com a sua retirada, me sentir livre deles. Olha que já sinto problemas com o seu uso há mais de 30 anos, haja paciência. Os problemas são diversos, pode ser a síndrome do intestino irritável, artrite, esôfago de Barret, divertículos, colite e outras tantas. Notem que a maioria são auto-imunes, que horror!

  6. Ola
    Boa Tarde, meu caso é totalmente oposto, eu entrei nessa onda de dieta gluten free, mas nos sábados eu comia pizza, não tinha problema algum, mas não sei dizer há quantos meses não comia um pão, bolo , torta ou coisa parecida nos demais dias da semana, entrei na onda da tapioca. Pois bem, esse mes abril/2015 3 sexta-feiras aniversários: pai, sobrinhos (2) e 1 casamento, me ferrei, comi bolo, nas festas não tinha a minha dieta, gluten free, nos sabados eu acordei, todos eles com dores abdominais, e esses dias senti vontad de comer um pão, e comi 2 torradas, passei o dia com muitas dores, deixei passar masi alguns dias e comi novamente pra ter certeza e novamente passei o dia muito mal, muitos gazes e dores abdominais, nunca tive problema com trigo, foi frescura e entrar na onda da dieta da moda, além do que , todo sábado eu como pizza e não tenho problema no domingo, mas se como durante a semana passo mal, como faço para retornar ao consumo do trigo? vou introduzinho aos poucos, um pedacinho 2 vezes por semana por exemplo? Adorei o artigo, obrigada

  7. Ola, gostei muito da matéria, muito bem explicada. Pois eu irei iniciar agora mesmo uma dieta sem gluten, para fazer justamente esse teste. Pois sofro de Intolerancia a Lactose há 8 anos e descobri com menos de 5 apos muitas idas sem sucesso à médicos que diagnosticavam sem exames como resultado da retirada da vesicula e ainda assim não levavam a sério. Hoje eu retirei a lactose mais ainda tenho diarreias matinais terriveis de total de 8 anos com a mesma. Sofro de SII e de RGE (Refluxo Gastro Esofagico), hoje mesmo irei iniciar essa dieta para vê sem tem realmente relação, que acredito que no meu caso deva ser exatemente essa nova descoberta ‘sensibilidade ao glúten não celíaca’ , no meu caso é o que espero que resolva. ADOREI a matéria. MILA

  8. Olá,
    Gostaria de saber se existe algum relato de intolerância ao glúten ou lactose associada a tosse persistente,já fiz vários exames e nao foi detectado intolerância alguma, porém tenho os mesmos sintomas intestinais relatados aqui e agora desenvolvi essa tosse seca que está me deixando preocupada. Já passei por 6 médicos até agora nada ….e então alguém com essa tosse terrível?

    • Meu filho sempre tossia muito.Tinha sempre diagnóstico de bronquite e rinite.Mesmo os exames dando negativo para alergia a médica sugeriu dar alimentos sem lactose. E foi impressionante a mudança a meses que ele não tosse.Antes ele vivia tomando remédios.

  9. Oie tão feliz de ter encotrado vocês!!! rsrsrs

    Bem descobri agora que tenho intolerância a gluten, sempre me sentido inchada, gorda, acordava magra, dormia uma baleia!!! (sério mesmo) abdômen distendido ( e olha que tenho 10 meses de abdominoplastia) quem descobriu foi a minha médica, bem retirei o gluten, e três dias depois… acreditem… baixei 3 kg na balança!!! fiquei tão surpresa… estava inchada demais… estou aqui super feliz e na certeza que não quero mais o gluten em minha vida!!! rsrsrs

    Bjs e obrigada por nos ajudar

  10. Sou novíssima neste novo Universo. Já a algum tempo tenho sentido desconforto abdominal, dor intensa na parte posterior das costas quando acordo que só melhora quando evacuo, muitos gases, enjoo, boca amarga, enfim..uma tonelada de sintomas. Final do ano passado consultei um gastro que apenas pediu a Colonoscopia e foram retirados poucos polipos que deram negativo para malignidade na biopsia. Passei o ano bem, mas a dor nas costas continuava como sempre. No inicio de Novembro tive uma diarreia monstra. Após isto foi um terror. Procurei outro Gastro (pois o que eu fui não tinha horário) e ela me pediu um Ultrassom abdominal total (que não deu nada), um exame de sangue oculto nas fezes (deu negativo) e o maldito exame de Intolerância à Lactose e Glúten. Glúten, negativo. Mas, Lactose deu positivo. Desde então estou perdida. Sou cardíaca e tomo varias medicações no decorrer do dia e descobri que 3 remédios que eu tomo (inclusive para o coração), tem LACTOSE. Entrei em desespero. rsrsrsrs. Como a gastro que eu fui saiu de férias eu consegui marcar o Gastro que uma amiga vai, para amanhã. Esta semana fui a consulta de rotina com o Endocrinologista, pq minhas taxas tem que estar nos limites por causa do coração e aproveitei levei pra ele o resultado do exame da Intolerância. Ele me receitou a Enzima que comecei a ingerir hoje por causa dos remédios que eu tomo. Mas, amanhã vou perguntar ao gastro qual o meu nível de Intolerância, pq o endocrino não disse. Resumindo. A gente toma remédio para uma doença e acaba desenvolvendo outras coisas. Hoje descobri que até o Buscopan Composto tem LACTOSE na sua formulação. Então, pessoas com esse distúrbio muito cuidado com os medicamentos que vocês tomam. Li, em algum lugar, que geralmente somente os remédios em comprimidos que possuem LACTOSE. Se tiver o medicamento em gotas eles não possuem a LACTOSE. Só não sei se são todos eles. Ainda estou engatinhando neste mundo tão complexo dos Intolerantes. Ah!! Já separei alguns telefones de Nutricionista Ocupacional. Abraços e adorei o site.

  11. ola boa tarde, eu fiz o exame pra saber se era lactose mas nao deu nada, mas eu senti muitas dores e diarreia apos o exame depois de beber aquele liquido.
    pode ser intolerancia ao glutem

    • Na minha opniao vc deveria levar o seu resultado para outro médico Gastro e relatar isso. Pois o meu sofri tambem e fui ao banheiro do laboratorio mesmo e houve um aumento da curva que eles classificam que demonstram a IL.

  12. Olá, estou com suspeita de intolerância ao glúten, comecei a fazer a dieta para ver se tenho melhoras, mas agora o médico pediu um novo exame de sangue para confirmar.. Posso fazer o exame mesmo se estou sem o glúten por 2 meses?

  13. Alguem sabe se existe alguma ligação entre a doença do refluxo e a intolerância ao gluten? Sofro desse mal ha anos tenho pirose e a dieta e medicação p refluxo não resolvem

    • Eu por experiencia propria como leitora e por vivencias de tantos problemas gastricos, acho que ambos tem relacoes, tudo IL cm RGE (refluxo gastro esofagico) tudo, À meu vê entende. Uso Pantoprazol de 40mg que da uma melhorada e quando meu refluxo volta e ataca outras coisas, renite, otite etc, uso ele pela manha e a noite antes das refeições. No meu caso Omelprazol e Lanzoprazol nenhum dos 2 resolveram, somente o Panto..

    • Sim, pode esta correlacionado. Eu tinha alem de outros sintomas grave refluxo. Após me descobrir sensivel ao gluten, retirei e não sinto mais nada! Oba, Tb tirei o leite. Faça o teste, tire totalmente o gluten por duas semanas, ve se melhora, volte a ingerir gluten normalmente, ve se o sintomas voltam. Se isso acontecer procure um especialista, provavelmente o glutem é o causador ou esta piorando o quadro. Abs

  14. Moro numa cidade pequena, , meu gastro não é grande coisa nao quis fazer os exames em mim. Se eu tirar o gluten da minha dieta por 2 semaanas é uma forma de fazer um teste? vou sentir diferença?

  15. Olá,
    Tenho apresentado todos os sintomas decritos acima. Inchaço e muitas dores. Meu intestino não funciona mais como antes. Observo que nos dias em que come pão, massa meu intestino não funciona. Há anos fui diagnostiada com intolerância à lactose e atualmente, meu exame de intolerancia à gluten deu não reagente. O médico gastro, q esta me acompanhando, solicitou uma endoscopia. Isso seria mesmo necessário ? Obrigada

  16. Entrei varias vezes no hospital com muitas dores por longos anos sempre inchada com dores sempre fazendo muitos exames que nunca me levaram a nada ate assistir um programa sobre intolerancia a lactose e gluten eu tinha todos os sintomas que o medico falava e por conta tirei tudo que tivesse gluten e lactose as dores sumiram as enxaquecas o inchaço mudou estou me sentindo leve e disposta e as roupas voltaram a servir…bjsss

    • Oi Cristina, tudo bem? Minha dica é sempre ter uma nutricionista ou gastro acompanhando ok? Mas realmente a exclusão dos alimentos mehlora muito na questão dos sintomas… Bjsss suceso!

  17. Olá, Debora!
    Puxa, quanta gente passando pelo mesmo problema que eu.

    Há cerca de 3 anos fui diagnosticada com intolerância à lactose, que cortei de vez. Este ano voltei a ingerir quando descobri as enzimas de lactase vendidas em farmácia. Porém, continuei apresentando os mesmos problemas: gases e distensão abdominal. Somente lendo este artigo me dei conta de que pode ser a caseína.
    Mas não é só isso, há 5 meses venho sofrendo de uma distensão muito forte, acompanhada de borborigmo(sem gases) e constipação, além do ganho de 9kg. Fiz vários exames que não indicaram nada, logo, fui diagnosticada com SII. Notei que alguns alimentos me fazem muito mal, como o feijão, o mel e a cerveja. Com isso, descartei a doença celíaca. Essa FODMAP, que só tomei conhecimento agora, pode ser a resposta pro que está acontecendo com meu organismo e me deixando louca!
    Vou testar a dieta por alguns meses e sou muito grata a você.
    Um beijo.

    • Oi Natalia, sim pode ser a caseína. Mas mesmo quando algumas pessoas consomem leite sem lactose ou a lactase acabam sentindo os mesmos desconfortos porque o grau de intolerância é um pouco alto. Teste a dieta mas não deixe de ter um acompanhamento profissional também, é muito importante. Bjsss

  18. Ola
    Quando consumo alimentos com gluten coincidencia ou nnao sinto uma dor no corpo , na pele, tipo dor de virose , mas nao apresento nenhum outro sintoma acima citado , isso poderia ser uma intolerancia?

    • Oi Debora, talvez uma sensibilidade… vc faz acompanhamento com alguma nutricionista? Se não faz, seria muito interessante. De preferência que ela fosse nutricionista funcional e um gastro tb seria bom. Abs!

  19. Olá Débora,

    Recentemente fiz um exame chamado Food Detective
    e deu como resultado positivo que tenho intolerância “média” a Trigo.
    Porem no mesmo exame deu negativo para Gluten.

    Já tinha feito antes endoscopia com amostra e exame de sangue e não deu intolerância ao glúten.

    Neste caso, a minha intolerância seria ao glúten ou a outros componentes do trigo ?! Confuso, não ?!

    Obrigado,

  20. muito interessante e preocupador….a 10 anos descobri que era intolerante a lactose, fiz exames, mudei a dieta. Hoje, mesmo com toda a mudança, mesmo com o uso de medicamentos com lactase, venho experimentando novamente os sintomas da intolerância. Na época, a intolerância ao gluten foi descartada.
    Estou a procura de outro médico, pois os sintomas estão insuportáveis. Talvez seja o caso de mesmo assim cortar o gluten…

    • Eu também li: “As úlceras pépticas são feridas que penetram na parede do estômago e do duodeno (primeira porção do intestino delgado). … A bactéria Helicobacter pylori causa a úlcera péptica através da destruição da proteção da mucosa (camada de revestimento interno) do estômago e duodeno.”
      Causam os mesmos sintomas

  21. Oi, gostaria de saber aonde posso conseguir aveia sem Glutem… Dizem que aveia seria Ideal para nós celíacos se não fosse contaminada..
    Obrigada

  22. Olá pessoal!!! Bom venho há 2 anos sofrendo de problemas respiratórios e Gastro e visitando dezenas de médicos que não resolveram meu problema. Tinha uma tosse e pigarros constantes . Fui diagnosticado com refluxo com sintomas extraesofagicos. Os remédios nada adiantaram e aí me submeti a uma cirurgia que a princípio resolveu mas os sintomas retornaram. Perdi 20 quilos e então depois de trocar de médicos. E ao me observar cuidadosamente chegamos a conclusão que poderia ser intolerancia alimentar. Cortei o gluten e os sintomas passaram. Me submeti ao teste food detective que acusou: gluten trigo leite de vaca noz e fermento. Retirei todos da minha dieta mas ainda não fiz os testes para detectar doença celíaca etc. Porém nesta semana inicial tenho tido fortes crises abdominais e diarreia constante. Como pode? Sem gluten sem lactose e com diarréias. E antes apesar da tosse e pigarro não as tinha. Será que e o organismo se acostumando a nova dieta???? Vou a busca de um Gastro e um nutricionista?? Para explicar a origem dessa diarreia? Grato

  23. boa tarde, sofro de alopecia areata desde os 14 anos. Atualmente tenho 34 e estou com uma alopecia universal. Tenho lido alguns estudos que podem estar relacionados com alergias á gluten e lactose. sera que alguem tem um problema identico? que tipo de exames fizeram? os medicos que tenho consultado dizem sempre que o problema é psicologico mas nao tive nenhum episodio que me tenha perturbado por isso acho que poderá ter outra origem

  24. Adorei esse site, ler tantos relatos diminuem um pouco a ansiedade de se ter uma dor e não se ter o diagnóstico. Depois de 3 anos com dores abdominais diárias e várias tomografias, ressonância, colonoscopias, enema opaco, video laparoscopia, o meu diagnóstico foi o de dor psicossomática. Os médicos (vários) falavam para eu relaxar, viajar que qdo esquecesse da dor isso passaria, para eles eu era uma típica paciente queixosa. Fiquei inconformada, não que quisesse ter algo, mas não acreditava ser essa a causa. Um certo dia, um amigo me pediu para tirar a lactose e o glutem da dieta, e, depois de 3 semanas estava praticamente sem dor. Acredito que falta conhecimento por parte dos médicos, pois me parece que eles não acreditam na sensibilidade ao glutem e afins. Só sei que com zeto glutem e lactose não tenho mais essa dor, que acaba com nossa qualidade de vida.

  25. Adorei!!! Gostaria de saber se a aveia ainda é incluida no grupo dos alimentos com glúten? Notei que vc não mencionou no texto e já ouvi falar que atualmente são somente os alimentos com trigo, centeio e cevada. Um abraço.

    • Oi Marcia, sobre a aveia, naturalmente ela não contém glúten. O que acontece é que normalmente ela é processada em mesmo maquinário que alimentos com glúten, ocorrendo a contaminação em praticamente 100%. Mas existem marcas que vendem aveia sem glúten. Bjss

  26. Sim um dos médicos que levei ele é gastro- cirurgião,os outros dois pediatras e hoje já faz 4 dias que ele está sem nada de glúten e a diarreia parou foi como tirar com a mão…espero que se mantenha assim…!

  27. Olá,
    Comigo ocorreu o contrário. A biopsia deu positiva e 3 exames de sangue diferentes deram negativo para doença celícada. Confusa sem saber o que tenho…

    • Bom dia,

      Eu estou na mesma situação da Betina. O Gastro aconselhou-me a fazer 1 ano sem glúten e repetir a biopsia para ver se o resultado se mantém ou se normalizou. Será necessário tanto tempo para que possa voltar a fazer a biopsia e confirmar o diangóstico?

    • Oi Betina…estou com esse mesmo problema, fiz uma biópsia que deu positivo para DC e fiz um exame de sangue que deu negativo para tudo…não fui ainda no médico para pegar seu diagnóstico, mas agora não sei se conta mais a biópsia ou o exame de sangue, e eu não sinto nenhum sintomas que li aqui…como você esta fazendo??

  28. Olá meu filho de 2 anos e 10 meses começou a se queixar de dores abdominais em fevereiro fiz vários exames de fezes sangue e urina tudo normal e dia 25 de abril começou a diarreia qUE ele tinha esporadicamente ficou diária, repeti os exames de fezes sangue e urina e nada, ele passou por 2 pediatras e 1 gastro primeiro pediram pra tirar o leite e agora o glúten a diarreia diminuiu vamos ver se se manter assim descobrimos oq é mas nem dos 3 médicos pediram colonoscopia ou endoscopia pra ele porque falam que ele é muito pequeno e qué se ele tivesse alguma coiaa grave apareceria nós exames que já foi feito.

    • Oi Amanda, qual a especialidade desses médicos? Vc chegou a ir em algum gastro? Poderia ir e ver o que falam, ou ir a uma nutricionista funcional e explicar suas suspeitas… quem sabe ela poderia dar uma opinião também. Bjsss… boa sorte com seu filhote :)

  29. Fui contemplada na fala de muitos aqui no site.
    Há anos, sofro com dores abdominais, má digestão, fezes sem qualidade, doença do refluxo, azia, IL, SII, sensibilidade ao glúten.
    O que mais me chateia é procurar os profissionais da área médica e nutricional e não ser acolhida, ajudada por eles. Ao menos com relação a grande maioria que me consultou nos últimos 14 anos. Como uma colega falou em um dos comentários aqui, eles têm a obrigação de saber desses assuntos.
    É fácil colocar a culpa na gente. Dizer que não tiramos o leite da dieta, por exemplo, mas o ignorante esquece que pode ser intolerância à proteína do leite (caseína). Que a pessoa pode não ter sido diagnosticada com DC, mas que pode ser sensível ao glúten.
    Compartilho com vcs minha indignação, minha tristeza, decepção com muitos profissionais da saúde, pois é inescusável que eles não saibam mais que nós, pessoas com outras formações, sobre esse universo de alergias, intolerâncias alimentares.
    Hoje uma amiga, que é médica, falou-me a respeito do Digeliv. “é uma enzima Alfa Galactosidase, que impede a formação de gases evitando o inchaço abdominal, flatulência, dores ou sintomas de gases causados por certos alimentos. Ajuda na digestão de amidos/rafinose impedindo a fermentação bacteriana e evitando o inchaço abdominal, flatulência e o desconforto a pessoas intolerantes aos carboidratos complexos vegetais.” Fonte: http://www.digeliv.com.br/
    Quem sabe ajude alguns de vcs, pois eu sofro também por comer outros alimentos sem ser glúten, leite e derivados dele.
    Pra me deixar um pouco feliz com a classe médica, essa namorada de meu amigo, que é pediatra, compartilhou essa boa notícia, pois ficar sem comer vegetais que tanto amo, ninguém merece. E tudo isso por causa das inúmeras falhas de produção de enzimas em nosso organismo.
    Que dureza!
    Também to tentando fazer receitas sem glúten e lactose. Mas, como mencionei acima, o problema é também com frutas e vegetais.
    Tem dias que choro, dou socos na barriga, de tanta raiva por sentir essas dores abdominais. Pior que me chamarão de louca. Mas loucos são aqueles que podem comer de tudo, mas não gostam de quase nada. E viva a diferença no paladar!!!
    Bom final de semana a todos e todas.

    • Oi Silvana, já ouvi falar desse produto… interessante né? Não fique assim, para tudo dá-se um jeito!! Conte com a gente, e com tantas outras pessoas que passam por isso! Um bjo e muita saúde pra vc :)

    • Ola Silvana. Concordo com vc.Sofri durante 28 anos sem saber,visitas constantes as farmacias com indisgestao…ao hospital pois diziam que estava intoxicacada…relata aos medicos e eu perguntava fermento faz mal??? pq toda vez que como pao passo mal nao diziam eles Afha….ate que um dia minha irma disse eu li sobre lactose e glutem,,,levei aos medicos me mandaram fazer exames e para minha surpresa nao deu nada! Ai por mim mesma comecei a cortar o gluten e lactose…nosssa minha vida mudou.Pena que os outros sempre acham que comer so um pedacinho nao faz mal que é frescura da gente ne??? Mas nao dou bola o importante é eu me sentir melhor…. Bjx espero poder compartilhar amizade e receitas com vc…Grande abraço!! NIce

      • Pois é, Nice, uma baita sacanagem, não acha?
        Esse povo faz medicina pra bonito. Tem o dever de estudar e saber muito mais que nós.
        Temos que sofrer horrores para depois, por conta própria, saber qual foi o problema.
        Usei o Digeliv e, incrivelmente, as dores tão sumindo, pois era a tal da enzima faltosa no organismo.
        Também me compadeço de sua história e, no que precisar, conte comigo.
        Só sei dizer que esse site é maravilhoso e to fazendo muitas receitinhas daqui. Umas erro, outras, acerto ;-)
        Grande bj e linda semana.
        Silvana

    • Que Bom , Silvana, que encontrei voce Acho que sofremos do mesmo mal….que raiva , há dias que prefiro ficar sem comer, pra não sentir o calvário….E quevraiva que dá deste povo que não sente nada, a acha que a gente que é anti-social, pois estou me afastando de tudo…Não vou mais nem a festas na familia , pois não posso comer nada,.,

      • O pior que alem de sofrer com tantas cólicas abdominais, ainda perno o paladar, não sinto sabor de nada…. tenho tonturas, cansaço, visão turva, andar canbaleante….faço exames laboratoriais e não tenho nada… me dá raiva destes médicos que fazem medicina só por dinheiro e status , não se preoucupando em saber de seus paciente… todos dizem a mesma coisa; Depressão, alergia… como é alerdia se faço todos os exames não dá nada…Daí fica que a gente tem é que levantar a cabeça….Hoje estou percebendo que muita gente está se suicidando por conta disso, eos bonecos não se dão conta que as pessoas vão perdendo a vontade de viver..

  30. Descobri que tenho intolerância ao leite já quase aos 50 anos,sofri a vida toda com barriga distendida,dores abdominais,diarreia e pensava que se tratasse de outros problemas.Recentemente fiz exames para saber se sou celíaca e deu negativo,mas tive que descobrir por conta própria que tenho sensibilidade ao glúten,ele me deixa muito inchada, e dá diarreia também,deixei leite e glúten e estou me sentindo muito melhor,até minha pele está eliminando as manchas.

  31. Olá a todas. Procurei um endócrino pois sofro de Tireoidite de Hashimoto (autoimune) e estava acima do peso. Ele pediu, além dos exames normais, um exame para testar intolerância alimentar a 221 alimentos (por IgG) que ainda não é coberto pelos planos de saúde. Recuperada da “facada”, fiz o exame e me assustei com o resultado: fui intoxicada a vida inteira. Sou intolerante a um sem número de alimentos, a exemplificar caseína, leite de vaca, clara de ovo, leite de cabra, leite de ovelha, cevada, milho, linhaça, gluten, aveia, arroz, trigo, noz de cola… Nunca tive diarréias ou algo do gênero, muito pelo contrário, meu intestino sempre foi bastante preso. Mas sempre sofri com crises de gastrite e enxaquecas. Passado o susto inicial, cortei todos os alimentos e passei a me sentir muito melhor. No último domingo, resolvi chutar o balde para ver o que acontecia e passei mal como nunca, achei que fosse morrer! Agora, vou a uma nutricionista para me ajudar com um cardápio e me ensinar a preparar os alimentos… Fazer o quê? Vida nova! Beijos a todos!

    • Giselle, você pode , por gentileza, me indicar o seu médico? Estou passando por um problema similar ao seu, e aqui no interior de SC ficamos um pouco restritos às investigações, ou pelo menos aos exames para que eiu possa fazer por aqui… Muito obrigrada.

  32. Olá pessoal, fico tão feliz em ver os níveis de discussões neste site. Acho que grande parte das pessoas que sofrem com DC, SII, IL e outras … sofrem muito até serem, diagnosticadas. É preciso informação e divulgação a população, é caso de saúde, penso o quanto sofrem aqueles que se quer podem ir a um especialista e sofrem a vida toda.
    Depois de emagrecer, sofrer com as crises de diarreia, importar enzima dos USA para IL, descobri que tenho intolerância a lactos e desenvolvi a SII, e meu filho de 4 anos (estamos fazendo testes e exames) parece ter sensibilidade ao glúten sem doença celíaca. Acho que vale dividir minha experiência com vocês: o gastropediatra nos indicou o suco CRANBERRY (suco indicado para melhoras nos quadros de infecção urinária), e vale a pena tentar, foi quase milagroso, até as minhas crises de SII melhoraram. Meu filho teve melhorou 100% os problemas intestinais (tomando o suco e dieta 0% glúten). Fica a dica, mas claro cada caso um caso. Boa sorte pra todos e que mais e mais pesquisas sejam realizadas.

  33. Gostaria de escrever páginas sobre os 11 anos que tento descobrir qual o meu problema. Espero que alguém se identifique com meu caso também…
    Passei por aproximadamente 10 gastros, todos tentaram ajudar, mas no final disseram que era psicológico e eu seguia com cólicas amedrontadoras (algumas vezes não conseguia me levantar), diarréia e gazes. Enfim… um dos médicos (sem fazer teste de absorção de lactose, nem nada) cortou meu leite (10 anos atrás) e as cólicas simplesmente sumiram. Vez ou outra eu tinha diarréia (ok, era frequente, mas não diariamente).
    Anos se passaram e depois que tive meu filho, foi diarréia diariamente. Comecei a procurar os gastros novamente e depois de teste de absorção da lactose, como eu já imaginava, sou intolerante total, zero absorção. Cortei açucar e tudo com qualquer traço de leite por 90 dias e nada adiantou. Mudei de médico mais 3X, todos diziam que era psicológico. O último médico que finalmente me deu maior atenção me pediu colonoscopia com biópsia e encontramos! Colite linfocítica. Tomei 90 dias de medicamento e não conseguia acreditar que tinha sarado, vida normal, dores, diarréia, tudo sumiu. Na minha cabeça, eu tinha certeza absoluta que estava curada, afinal, meu médico achou o problema!! 2 dias depois de parar o remédio, tudo voltou como estava antes. Novamente, o médico diz que é psicológico, mas como? Se no meu mais profundo pensamento, eu tinha certeza que acharam finalmente o que eu tinha! Comecei a ter manchas enormes nas nádegas e nas pernas, coçam levemente… fui na dermatologista (jamais associei com intestino), me disse que eram vazinhos que estouraram e que eu tinha que caminhar. Sempre tive dores de cabeça, inchaço na barriga e diarréia que nunca se solucionou.Recentemente meu cabelo começou a cair assustadoramente, mais ou menos um pouco depois do aparecimento das manchas, que eu sempre tive nas pernas mas eram tão pequenas, hoje estão enormes. Depois de tanto tentar diversos médicos, comecei a perceber que eles jamais iam me ajudar, só eu mesma ia me ajudar. Comecei a pesquisar alimentos saudáveis, afinal, imaginei que se alimentar mal, a saúde vai mal. Finalmente cai nas descrições dos celíacos e os sintomas são muito parecidos com os que tive a vida toda… até fiz alguns testes de sangue para ver se eu tinha intolerancia mas não me recordo agora o que era, enfim… nao deu nada contra o glúten. A colite linfocítica (meu diagnóstico) é um processo anti-alergico do corpo… o que meu médico explicou é que pouco se sabe sobre essa doença, apenas que é um processo auto-imune e pode estar relacionado ao cansaço de ser mãe, etc. Mas se pensar bem, se tenho alergia ao glúten, pode ser o motivo do processo alérgico encontrado no intestino. Fato é que alguma coisa meu corpo está rejeitando mas dá trabalho encontrar o que é, então, é fácil dizer que é psicológico. Agora vou ficar sem comer nada com glúten pelos próximos meses, seguindo as receitas que achei nesse site e estou achando que dessa vez achei a causa. Quem sabe daqui alguns meses eu volto pra dizer que finalmente estou vivendo bem!!

    • Oi Carla… puxa, q história! Olha, sou a favor de vc tentar a exclusão do glúten… e do leite, veja se não é também a proteína do leite e não apenas a lactose. Mas fique firme, investigue, teste… estamos aqui qdo precisar! Bjsss e boa sorte ;)

  34. A mais ou menos 9 anos meu esposo leu um livro e grifou alguns pontos e me deu para eu ler… O que descobri! Que as dores de cabeças que vinha tendo a mais de 10anos era intolerancia ao leite, então em um teste em casa mesmo fiquei 4 semanas sem ingerir leite… resultado sem dores de cabeça ou abdominais… tomei apenas meio copinho e quase delirei de dor…
    No época moravamos no USA e lá é mais fácil, os produtos lactose free.. mas não deu certo pois me dava dores de cabeça mesmo assim.. então voltamos para o Brasil, e fiz diversos testes de alergia e para minha surpresa quase todos deu negativo inclusive a lactose, fiz texte com vairos produtos a base de leite de vaca e cabra,nestes 9 anos e descobri que se eu ingerir leite em pó e leite condensado sem exageros não tenho crise alguma.
    Então Já escutei vários médicos que era locura minha.
    – Como alergia ao leite se deu negativo no teste a lactose. Mas todos eles esqueceram da proteina do leite…Este é um problema que muitos não sabem… inclusive na área que mais deveria informar-se….

    Agora vou me deliciar com as receitas, pois já estou cansada da minhas, mais ainda bem que substituo em pequenas proporções o leite normal de pacote pelo leite em pó e o condensado, já que o teste da soja deu positivo ( então alergica a soja, amendoin, pimenta, ou seja pouca opcçao para substituto ao leite.
    bjs

    • Oi Terezinha! Olha eu tb descobri minha restrição ao leite na prática mesmo. Eu tb sentia mta enxaqueca, das fortes! E é exatamente isso, lactose não é o problema, mas a caseína né (proteína). Que bom que descobriu! No lugar do leite de soja, vc pode usar o leite de coco. Uso mto nos bolos e receitas doces, fica uma delícia. Inclusive em algumas salgadas tb dá. E tem o leite de arroz q dá pra usar tb. Aqui na loja temos à disposição: https://www.semglutensemlactose.com/loja
      Obrigada por compartilhar sua história!! Bjsss

  35. Boa tarde, tenho um filho de 3 anos que foi diagnosticado com alergia ao leite. Passamos para o leite de soja e ele melhorou bastante, porém com o tempo, voltou a ter alguns sintomas como: dores abdominais e diarreia. Será que o problema está na soja ou em algum outro alimento?
    Gostaria de saber, se me indicam algum médico em Belo Horizonte, que eu possa leva-ló. OBRIGADA

  36. Olá, voces tem um bom medico gastro ou nutricionista funcional pra indicar em Curitiba-PR pois eu sofro fazem anos com distenção abdominal, intestino preso, gazes, dores na barriga…. e ainda não achei um medico que se interesse realmente pelo meu problema, so mandam usar medicação, comer fibras, tomar agua, td isso ja faço e não resolve nada…

    • Oi Denise, eu não saberia indicar. Mas vc pode entrar em contato com a Acelpar aí de Curitiba, da assoc. de celíacos do Pr. Com certeza poderão indicar profissionais da saúde para te ajudar. Abs!!

  37. Boa tarde Debora, sempre tomei leite, e depois da fase adulta comecei a ter problemas intestinais como diarreia sempre antes de ir para o trabalho e venho com acompahamento da Nutri e um gastro, e endocrino para ganhar peso, tenho 1,77 de altura e peso 60,00kg mais ha tempos não consigo engordar,descobrimos que tenho IL e ao gluten estamos aos poucos vendo que os alimentos não estao sendo absorvidos e seus nutrientes por causa de uma inflamaçao no intestino, o medico falou para tirar totalmente o leite o gluten e o trigo, tenho muitas duvidas sobre alimentaçao no café da manhã e outras refeiçoes, vcs podem me ajudar?
    Desde já Agradeço

    • Oi Jose, tudo bem? Sim, o melhor q vc faz mesmo é ter a orientação desses profissionais. Olha, vc pode consumir várias coisas no café da manhã: iogurte sem lactose ou de soja, leite (de amêndoa, arroz, soja), cereal sem glúten (tem da Schar e vc pode comprar na loja virtual: https://www.semglutensemlactose.com/loja), pão sem glúten… eu normalmente como uma fruta, café com leite de soja e pão sem glúten, ou iogurte com cereal sem glúten. Mas a nutricionista pode te indicar conforme sua dieta. Outra opção também é a tapioca, ovos mexidos, vitaminas… td vai depender do aporte calórico q vc necessita. Veja com a nutri tb, ela poderá te ajudar. Bjsss e boa sorte!

  38. tenho 34 anos e só agora com muita dificuldades descobrirão que eu tenho entolerancia a lactose,acredito que tambem não me dou bem com o glutem,mais estou com muitas dificuldades pois aqui no interior onde moro não a produtos para pessoas com estes problemas, o geito é comprar pelo site,bom que eu descobri este site pois agora me sinto um pouco mais amparada,acho que eu não me dou com o glutem poi mesmo depois que tirei a lactose ainda sim sinto colicas intestinais,gases em execesso,qual cha o exame que devo fazer para resolver isso?

  39. Não sei se posso indicar algum profissional da saúde aqui nesse espaço, se não puder, desculpem-me e excluam meu comentário, mas a intenção é ajudar, não ganho pra fazer essa indicação. O médico Dr. Rubens Cascapera Júnior é um excelente profissional e me ajudou muito na recuperação de minha saúde. Vale cada centavo gasto na consulta (só atende particular). A clínica fica no Tatuapé (São Paulo). O site da clínica é: http://www.avmedicinaintegrada.com.br

  40. Há muito tempo venho sofrendo com vários sintomas de alergia
    quando estou em crise forte,a minha bochecha incha,”parece o boneco fofão” foi diagnosticado edema de quicke, e só tomando corticoide. fui ao médico clínico e ele pediu para eu tirar o leite e seus derivados e o glúten.conseguir me sinto bem melhor, mas a barriga continua inchada. Acho que vou tirar o açúcar. Beijos ,obrigada pelos comentários.

  41. Nossa…como ainda é difícil você encontrar médicos qualificados ou até mesmo interessados em fazer este tipo de diagnóstico. Sempre sofri com problemas intestinais fiz diversos exames, inclusive 2 endoscopias, que nunca deram em nada. Até que um médico sugeriu que poderia ser Síndrome do Intestino Irritável e como eu já havia observado e pesquisado no Dr. Google as coisas que eu comia e me faziam mal, o diagnóstico ainda acrescentou intolerância a lactose. A partir de então vem o sofrimento pra conseguir me alimentar corretamente. Ah, pra completar tenho uma certa intolerância ao glúten também. Amei descobrir este site, mas ainda é difícil encontrar alguns ingredientes aí a gente vai tentando fazer substituições. Fico na torcida para que a cada dia mais empresas alimentícias e supermercados se voltem para o público que tem restrições alimentares.

  42. Olá Débora…
    Recentemente li na internet sobre uma possível relação sobre a sensibilidade ao glúten e o vitiligo.
    O artigo falava sobre a melhora e até pigmentação da pele após uma dieta livre de glúten em portadores de vitiligo.
    Saberia me informar mais sobre o assunto?

    Obrigado.

  43. Olá….Gostaria de saber se a intolerância à lactose pode ser reversível e quais são os sintomas de quem tem sensibilidade ao glúten sem ser portador da Doença Celíaca?? Alguém poderia me responder??

  44. Ola, eu fiz os exames e desde os cinco anos tenho DC, mas hoje, com 18 fiz os exames e deram Nao reagente, o “x” da questao eh que eu comi gluten, e nao foi pouco, gostaria de saber se ha chances de haver um erro medico quando ao meu diagnostico.
    Obrigada!

  45. Ola, eu fiz os exames e desde o cinco tenho DC, mas hoje, com 18 fiz os exames e deram Nao reagente, o “x” da questao eh que eu comi gluten, e nao foi pouco, gostaria de saber se ha chances de haver um erro medico quando ao meu diagnostico.
    Obrigada!

  46. Bom dia sofro com diarreias,desconfortos abdominais,dores abdominais,ardencia ao evacuar entre outros;fiz colecistectomia ha 02anos e meio,antes ja tinha alguns sintomas,mas depois da cirurgia intensificarm muito;tenho IL,nao como nada de leite,dieta ZERO;fiz exames anticorpos antitransglutaminase e biopsia duodenal deram negativos,mas passo mal com gluten, o glutem piora os sintomas mesmo sem ingerir continuo passando mal,faço tratamento ha 04 anos e nada resolve.A minha gastro disse que pode ser sindrome pos colecistectonia.Nao sei mais o que fazer,tudo que como passo mal. O que devo fazer?quais exames?
    N

    • Oi Vanderlis… que difícil né? Bom, minha sugestão é sempre procurar ajuda profissional. Não sou da área da saúde, por isso não poderia te ajudar. Espero que encontre uma boa nutricionista funcional e um gastro para te darem acompanhamento. Um abraço!!

  47. Boa tarde… amei o artigo…desde a infância me recordo de não comer nenhuma massa… com o tempo fui observando q me sinto mal insistindo comer algum alimento .. mas nunca fiz exames que comprove algo… lembrando que comer bolo não me faz mal… Vc acha q seria interessante procurar saber sobre o assunto.. fazer algum exame..????

  48. Olá fiz varios exames e o resultado deu a intolerancia a lactose mais deixei de comer tdo que é derivado do leite mais os sintomas estam presentes.Tenho as fezes amolecidas muitos gases minha barriga incha agora por minha conta vou deixar de comer gúlten pra ver o que acontece presciso de sua ajuda amo bolo,panetone,musse presciso de receitas sem trigo e tbem sem lactose porque as vezes estou com vontade de comer um pedaço de bolo recheado aiai né.Desde já agradeço pela atenção Marilene

    • Pode ser que você tenha intolerância não apenas à lactose, que é o açúcar do leite, mas também à caseína, que é a proteína do leite. É bem comum virem as duas coisas juntas, então não basta cortar a lactose, tem que ingerir produtos tambem livres de caseína. Alguns produtos de leites e derivados que não possuem lactose possuem a caseína, por isso a pessoa continua a sentir-se mal mesmo ingerindo produtos sem lactose.

  49. Olá! A um bom tempo comecei a sentir uma espécie de intolerância e alimentos com lactose, que foi se intensificando ao longo dos anos, e a glúten também. Para a lactose os sintomas sempre foram quase que instantâneos, muita diarreia, e a glúten, indigestão. Mas ao fazer os exames não fui diagnosticada, é possível ter níveis de intolerância que não sejam detectáveis? Ao fazer o próprio exame para lactose me causou muito desconforto a ponto de ficar quase desidratada, além dos alimentos que tive que evitar pelos incômodos que causavam.

    • É possível sim. E às vezes pode ser q vc tenha alergia à proteína do leite de vaca (APLV) e não intolerância à lactose (IL). Comente isso com seu médico!
      Abs!!!
      Obrigada por compartilhar :)

  50. Olá,
    Eu tenho intolerância a lactose já diagnosticado mas ao glúten fiz exame de sangue e deu não reagente, mas sinto muito desconforto ao ingerir produtos com glúten, mas esse site tem me ajudado a ter variedade em alimentação.
    Obrigado!!!

      • que bom ter o conhecimento desta pagina, pois venho sofrendo desde maio de 2013, com cólicas, darreias, e dores no corpo, alem do cansaço fisico, mas em outubro conversando com uma prima, ela me orientou que eu poderia estar com alergia ao glúten, desde então, busco por informações, desde que parei de utilizar o glúten, tive uma grande melhora, estou ainda, a fazer exames que comprove, essa tolerância, parabéns aos responsáveis, por nos esclarecer sobre o assunto !

  51. Bem gente, sempre fui adepta a uma alimentação saudável. Mas de 6,5 pra cá, desde que mudei de país, hj moro na Holanda, meu intestino que já era preso começou a prender ainda mais. Apartir daí comecei a experimentar de tudo, fazer dietas ect com o propósito de melhorar meus sintomas. Era tomar iogurte minha barriga estufava e o pão integral?? me intope. Desde que comecei a usar produtos sem lactose e sem glúten estou me sentindo melhor. Este site é maravilhoso, pois aprendi a cozinhar com sabor sem sofrer e olha q sou louca por queijo. De qualquer forma estou a caminho de uma bateria de exames como a Colonoscopia, exames de rotina, etc para ter certeza se sou alérgica ou não à lactose/glúten.

  52. Fiz vários exames,o único positivo foi intolerância lactose,referente aos meus sintomas meu gastro tirou o glúten da minha alimentação,receitou alguns remédios para SII,não tenho mais crises de dor mas os gases e abdômen inchado continuam, já faz 2 meses,como saber se o nutricionista e funcional? Adorei a matéria.

  53. Olá!
    Meu filho tem 04 anos, e a 1 mês a Pediatra descobriu no exame de sangue q ele é alérgico a Trigo,Aveia,Milho,Soja e Leite de vaca…..no caso do trigo ele não apresenta sintomas como desconforto abdominal,diarréia etc….gostaria de saber mais sobre isso sera q ele poderá ser um Celiaco um dia espero q não e q isso passe logo.

    • Oi Gisele, essa informação acho que apenas o gastro poderá te dar, e mesmo assim creio ser difícil saber se um dia ele poderá ter a DC. Como ele já apresentou sensibilidade ao glúten, faça o possível pra excluir da alimentação dele isso q faz mal. Conte com a gente!! UM bjooo

    • Olá,eu sou alérgica a soja e leite desde pequena, e sempre fui magrelinha por falta de nutrientes e vitaminas, e e também sou celiaca. mas meu problema se espande. Se eu comer qqr coisa que contenha leite, soja e gluten, eu fico toda marcada com pontos vermelhos, abdome estufado e dolorido, se ando meus pés chegam a tremer por dentro de dor, eles incham, os dedos das mãos incham e tem um sintoma esquisito: meu corpo fica com tremidos por dentro. Minha cabeça fica inchada por dentro. É um sintoma horrível. É muito difícil ir na casa de alguém e evitar comer, por não entenderem. Na faculdade fui até chamada de fresca por não comer nada junto com eles. Minha família estão começando a compreender.
      É isso pessoal, não é fácil.

      • Continuando, também não posso comer nada industrializado por causa dos corantes, conservantes e o açúcar.
        Medicamentos são todos manipulados e cápsulas especiais sem espessantes.
        Somente sucos naturais, alimento que eu cozinho…. porque tenho certeza que está íntegro.

      • Oi Betoka… é difícil né… mas não se sinta sozinha! Estamos aqui pra ajudar no que for possível… no nosso face você encontra outras pessoas q também passam por situações similares. Um grande abraço e sucesso sempre :)

  54. Adorei o artigo. Minha vida vive uma incógnita a cerca de 4 anos. Trigo, leite, alimentos com conservantes, aromatizantes e corantes me deixam em um estado lastimável. Febre, fadiga, abdômen distendido, algumas vezes diarreia, dor de cabeça. Não foi detectado alergia a lactose e nem a glúten ainda assim vivo nessa situação, minha alimentação se tornou quase uma batalha, pois até legumes e hortaliças que não sejam orgânicas me ofendem. Nenhum médico detectou nada, exceto a questão de alergia a aditivos como conservantes e derivados. Quando retiro esses alimentos da minha dieta fico ótima, entretanto, a cada dia fica mais difícil.

  55. Meu Gastroenterologista me apresentou esta dieta conhecida como FODMAPS,porém, as nutricionistas ainda parecem não estarem atualizadas à respeito.Tenho IL e recentemente fui diagnosticada com SII,minhas crises diminuíram em 90% depois que excluí o trigo da minha alimentação.

    • Olá,
      Obrigada Débora pela força.
      Eu vejo um programa no Discovery Home & Health, todas as segundas feiras as 22h.
      Comentou sobre esta dieta FODMAPS para SII.
      Houve melhora da paciente após 3 meses de uso.
      Temos que tentar, não desistir.

      Fico feliz por compartilhar com vocês.

    • Olá, sofro com esses sintomas desde da adolescência,a três anos fui diagnosticada com intolerância a lactose mas negativo a glúten.Procurei então uma nutricionista e ela me explicou que eu poderia ter a sensibilidade ao glúten e açúcar também, não os consumo mais regularmente mas mas se consumo qualquer um deles volto a ter todos sintomas . Ela me passou então vitamina C enferveceste para eu me recuperar mais rápido!

      • OI Silvia, pois é, às vezes é um detalhe que a gente não presta atenção né. Que legal essa dica da vitamina C, vou perguntar pra minha nutri tb!! :D Bjsss

      • Olá, por felicidade encontrei uma nutricionista que também tem problemas com glúten (apenas intolerância) mas tem conhecimento do problema.
        Eu faço uma dieta rigorosa, mas alguma coisa continuava me atrapalhando a vida, 24h por dia. Isso não era legal.
        Até que… qdo a conheci, simplesmente tirou o açúcar, era a cereja do bolo para complementar a dieta. Foi uma melhora incrível. Porem estou tomando probiótico (lactobacilos) que ela passou. Estou me sentindo bem melhor.

      • Esqueci de comentar. Minha nutricionista mandou eu tomar em jejum uma xícara de café deste produto Aloe Berry Nectar. Isso faz uma forração no estômago e intestino para ajudar a protege-lo.
        Seria legal pesquisar…. custa caro.

  56. Cada dia vejo mais isso… É a mesma comparação ao leite bovino. A clínica nestes casos devem ser mais relevantes que exames, pois os testes podem ter sensibilidade baixa, como ps de lactose, em média 84%… ou seja, 16 o exame da negativo, mas a pessoa tem o problema ou os sintomas quando exposta ao alimento….

    • Olá, meu gastro me encaminhou para uma Proctologista. Fiz todos comentários ao meu respeito. Ela sugeriu que eu tomasse leite de cabra ou búfala, disse que era diferente: PULEI DE ALEGRIA. Lá vai eu comprar o tal leite. Sério tomei 3 dedinhos do leite para teste. No dia seguinte, amanheci linda e maravilhosa, meus olhos pareciam duas bolotas redondas, meu rosto todo inchado… afinal não sou intolerante a lactose, sou alérgica a proteína do leite. A Dra. ficou pasma… rs

  57. Acho que meu filho se encaixa nesse quadro. Ele não apresenta exames positivos a doença celíaca mas reage bem a ausência do glúten… Um nó de cuca pra gastropediatra, ja que em determinadas épocas o caso não se repete e ele ingere glutén sem problemas… Dificil

    • Pois é Minéia… vc vê… cada indivíduo é único mesmo né? Por isso o q funciona pra um não funciona pra outro e os exames dão resultados tão diferentes. BJsss e sucesso com o filhote!

  58. Sou celíaca, e mesmo com dieta 100% sem glutem, tenho passado muito mal com dores absurdas de estômago, refluxo, ânsia de vômito e gases, me pediram outro exame.

    • Sim Janaína, faça esse outro exame. E como o texto diz, às vezes não vai acusar doença celíaca, mesmo que vc tenha algum tipo de sensibilidade. Tenha o acompanhamento de um/a nutricionista funcional e tb gastro q irá ajudar muito. Bjsss

  59. Creio que as pesquisas de alergias com o trigo transgênico, (se é que elas existem), devem levar em consideração essas novas situações de sensibilidade ao trigo/glúten, as quais ainda estão sem diagnóstico, além também dos fatores psicológicos/ comportamentais, que podem desencadear muitos sintomas, sem a presença da doenças já classificada anteriormente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *