Compartilhe!

Hambúrguer Caseiro

por

Esses dias atrás fiz alguns experimentos lá na cozinha e um deles foi esse Hambúrguer Caseiro. Aprendi em algum lugar e quis colocar em prática com as devidas adaptações. A receita que vi ia o creme de cebola, mas esse contém glúten.

Achei uma ótima ideia porque dá pra fazer a receita toda e depois congelar individualmente. Quebra um galho nas jantinhas da semana ou quando o tempo é mais curto para se preparar uma refeição.

DICA: Sirva com pão sem glúten, arroz ou com purê de batatas e salada de folhas para acompanhar. Dá também pra fazer a massa do Quibe de Quinoa e deixar no mesmo formato do hambúrguer.

Receita e fotos: Sem Glúten Sem Lactose.
Veja mais em Índice de Receitas.

Hambúrguer Caseiro

  • 1/2 kg carne moída (de sua preferência)
  • 1/4 un pimentão (picado bem pequeno)
  • 1/2 un cebola (picada bem pequena)
  • 1 ou 2 un ovos (para dar liga na massa)
  • farinha de arroz (para dar o ponto)
  • cheiro verde (a gosto)
  • sal e pimenta (a gosto)
  1. Coloque tudo numa tigela com exceção da farinha de arroz e amasse bem com as mãos até misturar.
  2. Depois acrescente a farinha uma colherada por vez, até dar uma consistência (talvez precise umas 4, por aí), misture novamente com as mãos e depois modele os hambúrgueres.
  3. Depois de pronto faça na chapa ou no grill bem aquecido, de preferência antiaderente para não grudar.
  4. PARA CONGELAR: primeiro unte uma assadeira, coloque os hambúrgueres nela e leve ao congelador. Depois de congelados embale separadamente com plástico filme e volte ao congelador.
16 respostas para "Hambúrguer Caseiro"
  1. Debora, estou admirada com tantas receitas, adoro cozinhar e adaptar as receitinhas, e sempre foi minha dificuldade a quantidade de sal para esse hamburguer, salgado ou sem sal, para essa medida qual a quantidade,é delicioso e super pratico.

  2. Olá, Debora. Esse hambúrguer é um pouco diferente do que eu faço, mas vou tentar fazer desse jeito na próxima vez.

    A segunda parte do meu post sobre o cálcio, agora falando especialmente do consumo do leite está no ar. O link direto é

    Um abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *