Compartilhe!

Bolo de Brigadeiro

por

Dia 26 de Julho foi escolhido para comemorar o Dia da Vovó. Por sorte eu ainda tenho as duas presentes em minha vida, a avó por parte de mãe e a por parte de pai. Como é gostoso receber esse carinho de vó, os mimos, a atenção, as comidinhas gostosas… meu esposo cresceu longe das avós dele e quando entrou na minha família ele disse “agora sim estou sentindo o que é ter avós perto”. Estou morando longe delas, mas sinto muita saudade! Sempre que dá uma oportunidade vou correndo pra lá visitá-las.

Hoje vamos comemorar esse dia com um delicioso Bolo de Brigadeiro.

Vocês irão perceber que na receita vai leite condensado e leite (de vaca), justamente porque incluímos o uso de um produto novo, o Digelac. Para quem tem intolerância à lactose – IL (e não alergia à proteína do leite de vaca – APLV) é possível utilizar o leite e seus derivados e adicionar a enzima que auxilia na digestão da lactose junto com os ingredientes. Veja a receita abaixo como fizemos.

Sobre o DigeLac:

O DigeLac 10.000 FCC ALU na apresentação em pó solúvel em água é uma enzima digestiva e seu uso é destinado à preparação de alimentos lácteos, visando à quebra da lactose nestes alimentos, atenuando sintomas da intolerância à lactose. Não contém glúten e não contém açúcar.

Para conhecer mais esse produto, acesse o site https://digelac.com.br/pt/home. Qualquer dúvida a respeito do produto entre em contato com [email protected].

Receita e foto patrocinadas por: Digelac.
Para ver outras receitas acesse Bolos e Tortas.

Bolo de Brigadeiro

ATENÇÃO: Receita com leite de vaca e uso da enzima Digelac para atenuar os sintomas da intolerância à lactose.

  • 1 xíc. açúcar
  • 1 ovo
  • 1/2 xíc. óleo de canola
  • 1 xíc. água quente
  • 1 e 2/3 xíc. farinha de arroz
  • 1/4 xíc. cacau em pó
  • 1 colh. (sopa) fermento em pó
  • 2 envelopes Digelac (para a cobertura)
  • 1 colh. (sopa) cacau em pó (para a cobertura)
  • 1 colh. (chá) margarina (para a cobertura)
  • 1/2 lata leite condensado (para a cobertura, será usado com a enzima)
  • 1 xíc. leite (para a cobertura, será usado com a enzima)
  1. MASSA: Unte uma assadeira média com óleo e amido de milho ou farinha de arroz. Pré-aqueça o forno a 180ºC aproximadamente. Misture o açúcar e o ovo, mexendo bem. Coloque o óleo e, quando estiver bem homogêneo, acrescente a água quente.
    Adicione o cacau em pó e incorpore o trigo aos poucos. Por último, adicione o fermento. Asse em fogo médio por 40 minutos.
  2. COBERTURA: Enquanto a massa assa, prepare a cobertura levando ao fogo médio uma panela com leite condensado, cacau e margarina. Mexa bem. Adicione o leite aos poucos, conforme a necessidade, o creme não deve ficar nem mole nem duro. Quando estiver numa consistência boa, desligue. Espere esfriar um pouco e adicione os envelopes da enzima Digelac.
  3. Quando retirar a massa do forno coloque a cobertura imediatamente.

11 respostas para "Bolo de Brigadeiro"
    • Oi Vanda, desde que utilize a lactase (enzima que quebra a lactose) não há problema. Essa receita só é possível para intolerantes caso utilizem o produto mencionado, digelac. ABs.

    • Oi Rodrigo, essa receita foi passada pelo fabricante, portanto foi testada e aprovada. Creio que não perderá o valor mesmo indo ao forno. Se quiser saber mais, no post tem o contato para você saber mais! Abs!!

  1. Oi Debora,
    Ainda não testei a receita! Quero ver se testo esse fim de semana! Mas o que seria enzima Digelac e aonde encontro?!
    Adoro seu site, tem otima dicas pra quem tem problemas com glutém e lactose!
    Abraços!

    • Oi Daniela, teste mesmo!! Bom, o Digelac é uma enzima (lactase) que as pessoas que tem intolerância podem usar nas receitas com leite de vaca normal, para não terem os efeitos indesejáveis. Por exemplo, o leite sem lactose vendido no mercado nada mais é do que o leite de vaca normal + enzima (lactase) que ajuda a digerir a lactose.
      No texto antes da receita tem o link e tem o e-mail se vc quiser mais informações. Eles vão poder tirar suas dúvidas.
      Bjsss

  2. Oi Débora!

    olha, na instrução de untar a forma, acho que escapou aí a palavra “trigo”, não seira a farinha de arroz?

    bjs e obg por mais essa receita deliciosa!

    Manoela Malta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *