Compartilhe!

Não beba Leite, pela bem de sua Saúde!

por

Estudos comprovam que ajuda a provocar osteoporose e outras doenças graves

Ou seja, não beba leite, pelo bem de sua saúde. Tem-se verificado que existe uma relação estreita entre o consumo de produtos lácteos (leite, manteiga, queijo, etc.) e vários tipos de cancro, diabetes, osteoporose, doença coronária e outros problemas relacionados com intolerâncias e alergias graves. Tanto o cancro da mama como o da próstata estão relacionados com o consumo deste produto. Esta íntima relação explica-se através de um aumento da quantidade, no organismo humano, de uma substância designada de factor de crescimento semelhante à insulina-I (IGF-I) encontrada no leite de vaca. Esta substância pode também ser encontrada, em elevadas quantidades, na corrente sanguínea de indivíduos consumidores regulares deste tipo de leite.

Estudos recentes comprovam que homens com elevadas concentrações sanguíneas de IGF-I, apresentam quatro vezes mais probabilidades de virem a sofrer de cancro da próstata do que outros indivíduos com concentrações sanguíneas de IGF-I mais baixas. Também o cancro do ovário está relacionado com o consumo de produtos lácteos: o açúcar do leite, quando desdobrado no organismo humano, dá origem a outro açúcar mais simples, designado por galactose, que, por sua vez, é também desdobrado por várias enzimas. Quando o consumo destes produtos excede a capacidade destas enzimas para desdobrarem a galactose, esta pode circular na corrente sanguínea, o que poderá, a longo prazo, afetar os ovários. Mulheres consumidoras de leite de origem animal apresentam três vezes mais probabilidades de virem a sofrer de cancro nos ovários.

A diabetes insulino-dependente está também relacionada com o consumo de leite e produtos lácteos. Pesquisadores encontraram uma proteína característica dos produtos lácteos que provoca uma reação auto-imune, que, por sua vez, afeta as células do pâncreas, afetando, por isso, também, a capacidade do organismo de produzir insulina. O leite e seus equivalentes e derivados são frequentemente recomendados para prevenir a osteoporose. Contudo, pesquisas e estudos demonstram que o risco de fratura óssea é igual em consumidores de leite de origem animal e em não consumidores deste produto.

Assim, ficou provado por vários estudos que, na prevenção da osteoporose, é fundamental reduzir os factores descalcificantes, tais como o consumo de sal e de proteína animal – em vez de manter ou aumentar o consumo de cálcio através de lacticínios (que contêm proteína animal).

A doença cardiovascular é uma das doenças que está mais relacionada com o consumo de produtos lácteos, pois têm elevadas quantidades de gordura saturada e colesterol, aumentando imenso as probabilidades de quem consome estes produtos vir a sofrer de doença coronária. Os sintomas da intolerância à lactose são diarréia, flatulência e distúrbios gastrointestinais, e surgem devido à ausência, no organismo humano, de enzimas capazes de atuar na digestão do açúcar do leite. Esta ausência é um processo natural que ocorre no organismo, pois os humanos são mamíferos e os mamíferos não necessitam de consumir leite durante a vida adulta (menos ainda de outras espécies). Humanos que insistem em consumir leite após o seu desmame forçam o organismo a continuar a produzir estas enzimas, daí ser tão comum encontrar pessoas intolerantes à lactose.

O consumo de lacticínios não está só relacionado com doenças e alergias – os agentes contaminantes encontrados em várias amostras de leite são um grave problema para a saúde humana. A indução artificial da produção de leite conduz a inflamações graves nas glândulas mamárias dos animais, que requerem tratamento à base de antibióticos. Vestígios destes antibióticos, bem como de pesticidas e outros medicamentos, são encontrados em leites e outros produtos derivados. Uma dieta alimentar diária livre de produtos lácteos contribui para a redução da perda de cálcio, diminuindo o risco de osteoporose. A alimentação vegetariana oferece todo o cálcio necessário, a partir de alimentos ricos em antioxidantes, fibra, ácido fólico, hidratos de carbono complexos, ferro e outras vitaminas e minerais importantes, que não são encontrados em lacticínios.

Fonte: Instituto Nina Rosa, Org. Seja Vegetariano.

Veja outros textos sobre o leite em Dicas, Artigos e Nutrição:

5 respostas para "Não beba Leite, pela bem de sua Saúde!"
  1. Gostei muito do que li aqui.Eu já estou tomando pouco leite e mesmo assim,o leite q/ tomo é o desnatado em pó. Consumo queijo light também em poca quantidade.Essas informações são muito uteis p/ uma saude melhor.

    meire

  2. Gostei muito do que li aqui.Eu já estou tomando pouco leite e mesmo assim,o leite q/ tomo é o desnatado em pó. Consumo queijo light também em poca quantidade.Essas informações são muito uteis p/ uma saude melhor.

    meire

  3. Minha linda, quanta informação preciosa!! Vc acredita q eu sempre achei que o leite, por ser rico em cálcio, ajudava justamente a prevenir a osteoporose e todas essas doenças causadas pela falta de cálcio no organismo!!
    Caramba, que loucura!!! Tomar leite, eu já nao tenho tomado… mas faço alimentos (bolos, biscoitos, etc.) com ele, constantemente, aiaiai! Vou ter que começar a caçar substitutos!!
    Super beijo

    Mari

    • oi mari! nos bolos e biscoistos dá pra substituir tranquilo por leite de soja, ou por suco de fruta (laranja, no caso dos bolos), não dá diferença nenhuminha meeesssmoo! e é questão de costume tb.. eu já não tomo leite, não como requeijão, creme de leite é só o de soja, e por aí vai! vc se adapta sim!! bjãoo

      thá, isso é uma coisa né.. tô entrando em contato com uma nutri, daqui de cvel, e vou tirar essas dúvidas com ela. bjo lindona, saudades de vc e da buchechinha da manu!!!

  4. oi, amiga.
    Vc jah sabe que amo seu blog neh!!!
    Gostei mto desses artigos sobre o leite. Agora… fiquei sabendo que nao eh bom dar ‘leite’ de soja pra criancas. E se o leite de vaca nao eh bom e o leite de soja tambem nao, o que oferecer para as criancas pela manha no cafe????? Fica a duvida e a sugestao para um proximo artigo/pesquisa!
    Beijocas!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *